terça-feira, 22 de abril de 2014

Dia da Terra!

Como parte da história do universo em desenvolvimento, celebramos nosso parentesco não apenas com os outros seres humanos, mas também com todas as outras formas de vida. Começamos a descobrir o nosso nicho. Percebemos que não somos apenas parte da humanidade, mas da Terra; não somos simplesmente seres humanos, mas seres do universo. Como tal, somos distintos não apenas pela consciência reflexiva, mas pela inteligência de admiração também... Juntamente com a gratidão e reverência , a admiração pode ser uma chave para liberar o potencial de florescimento de nossa espécie e do nosso planeta”
                                                    Mary Evelyn Tucker


                                           Imagem: Google

Hoje, dia da Terra, nossa casa, nossa Mãe, fonte de toda vida, compartilho com vocês a belíssima “Oração de Intercessão Nativo Americana” para que em silêncio possamos falar ao coração e humildemente nos coloquemos em profunda gratidão pelo Planeta.

Tradicional Oração de Intercessão Nativo Americana:

Oh grande Espírito, cuja voz ouvimos no vento,
cujo sopro dá vida ao mundo inteiro
ouvi-nos, precisamos de sua força, e de sua sabedoria.
Caminhemos na beleza, e façamos com que nossos olhos sempre
contemplem o pôr do sol vermelho e púrpura.
Faça com que nossas mãos respeitem as coisas que você criou,
e que nossos ouvidos fiquem abertos para ouvir sua voz.
Torne-nos sábios para que possamos entender
as coisas que você ensinou ao nosso povo.
Ajude-nos a manter a força e a calma diante
de tudo que surgir em nossa direção.
Que possamos aprender as lições que você ocultou
em cada folha, em cada pedra.
Ajude-nos  a buscar pensamentos saudáveis
e a agir com a intenção de ajudar os outros.
Ajude-nos a encontrar a compaixão, sem a empatia nos subjugando.
Busquemos a força para não sermos maiores que nosso irmão ou irmã,
mas para enfrentarmos o nosso maior inimigo – nós mesmos!
Faça-nos sempre prontos para chegar até você,
com as mãos limpas e franqueza no olhar
pois assim, quando a vida se esvair, como o pôr do sol se desvanecendo,
nosso espírito poderá chegar até você sem desonra.


Lindo não é mesmo? Eu digo amém! E como filha da Mãe Terra, esse planeta que habito com tanto amor e gratidão, desejo de todo coração que possamos encontrar formas de viver em equilíbrio e harmonia. Que possamos nos tornar profundamente conscientes de que esse é um lugar único, especial e sagrado. E que em comunhão possamos todos ouvir o seu chamado, pois só assim as futuras gerações poderão ver nossos rios fluírem, as sementes brotarem, os vales, montanhas, florestas e campos verdejarem.

Mas para que a natureza siga adiante, devemos reconhecer que no meio dessa magnífica diversidade somos uma imensa família, uma comunidade com um destino comum. E o bem estar dessa comunidade, assim como a preservação do planeta é um dever nosso.


Pense nisso...